• Microcânula Semiflexível para Subcisão ProDeep
Microcânula Semiflexível para Subcisão ProDeep

Microcânula Semiflexível para Subcisão ProDeep

Embalagem com 1 unidade

ALUR MEDICAL

SD-22G-50Cód. 7898674522521
Qtd:

Calcule frete e prazo

Não sei o meu CEP

Indicação:

A microcânula ProDeep foi desenvolvida com uma combinação de detalhes importantes que visam facilitar procedimentos de Bioplastia, tanto Facial quanto Corporal. A Bioplastia se refere a uma técnica médica de preenchimento que possibilita a reposição de volumes perdidos naturalmente com o processo de envelhecimento.

A maior vantagem das microcânulas sobre as agulhas é o risco reduzido de contusões durante injeções de preenchimento. Essa vantagem resultou em uma rápida adoção das microcânulas como técnica mundial. Outros avanços incluem a capacidade de tratar uma área maior com apenas um ponto de injeção, proporcionando melhor conforto, menos trauma, e mais aceitabilidade pelo paciente.

Seus diversos comprimentos disponíveis e flexibilidade, aliada à uma abertura lateral, permite a cobertura de uma área de superfície maior com um único ponto de aplicação, até 50% melhor deslizamento e habilidade para controlar a direção da microcânula bem como a capacidade de o conteúdo utilizado ser distribuído da forma mais uniforme, precisa e atraumática possível.

Dedicada às injeções de preenchimentos dérmicos com ácido hialurônico e outros preenchedores, devidamente certificados para atender às normas de segurança e saúde, a microcânula ProDeep é usada, principalmente, nos tratamentos de olheiras, aumento de volume, harmonização facial, estrias, sulcos, lipoatrofia, depressões cutâneas e perdas teciduais.

A agulha auxiliar (de puntura) que acompanha a microcânula ProDeep oferece facilidade de inserção da microcânula, pois possui o mesmo diâmetro, evitando erros na escolha de calibre. Isso possibilita menor força na inserção da microcânula, que, por possuir uma ponta romba, tem melhor capacidade de deslizamento – deslizam pela camada subcutânea evitando cortar vasos e pequenos nervos, como fazem as agulhas hipodérmicas tradicionais. O que resulta em menos hematomas, mais conforto ao paciente e maior precisão na administração de preenchimentos dérmicos.